sábado, janeiro 15, 2011

Agarra-me esta noite


Fala comigo. Uma palavra tua basta.
Diz-me o que quero ouvir, e seguir-te-ei onde fores.
Não estás aqui. Não estiveste ontem, nem estarás amanhã. Não te posso ver, nem abraçar. Mas sinto-te, porque me lembro de ti. Todos os dias.

(ao som de "Parte de Mim", Pedro Abrunhosa)
Gostava de dizer as coisas como ele... que brinca com as palavras e tudo faz sentido!
«Quando vieres, distante
Soltam-se amarras
e tocam guitarras
por ti, como dantes...»
Perfeito.

2 comentários:

Clarice disse...

Que saudades tinha eu dos teus beijos estrelados...sinal de vida, de esperança, de sorte, de encontro... beijinho também estrelado****

Nikita disse...

Palavras intensas as do teu post Cati!!