quarta-feira, junho 18, 2008

Traiçoeiro...

PASSADO 

O Passado persegue-nos. É quase uma entidade, um ser, com vida própria.

Mesmo quando pensamos que está morto e enterrado, ele volta... num gesto, numa recordação, numa foto perdida no fundo de uma gaveta, num sonho inesperado, numa conversa, num piscar de olhos. Lá está ele, o sacana, tão fresco como se fosse o Presente, tão ansioso como se fosse o Futuro.

E nem sempre o Passado é um mau diabo. O Passado não é igual para todos, nem tão pouco é o mesmo para cada um de nós. Aliás, temos vários Passados. Aquele que recordamos com saudade... aquele que gostaríamos que nunca tivesse sido Presente... Temos até o Passado que queríamos que se fundisse com o Futuro, como se de amantes se tratassem!

Teria a vida alguma graça se assim não fosse? Claro que não. Nunca aprenderíamos com os erros, nunca saberíamos decor as lições que a vida ensina, sem a cábula do Passado.

O Passado, esse sacana, que de vez em quando vem brincar com o Presente e nos troca as voltas ao Futuro.

O Passado é como a Língua Portuguesa - muito, muito traiçoeiro... e persegue-nos. Mesmo quando não queremos.

13 comentários:

teresa disse...

Há coisas do passado que chegam agora, e ainda bem, e ainda a tempo.Essas são as melhores...

*passo por aqui muitas vezes, Cati.

Casemiro dos Plásticos disse...

Faz parte desta coisa chamada vida.
Lembrar o passado para enfrentar o presente sempre com o pensamento no futuro.
beijo e boa semana.

Carlos Lopes disse...

Esquece! Isso já é passado...

kiss presente

Didas disse...

Podes crer. Como quando eu encontro uma fotografia minha nos anos 80, com permanente à Marquêa de Pombal.

Júlio disse...

Devemos andar em sintonia. Hoje de tarde num momento de abstracção a meio do estudo do Direito Penal, não me perguntes de onde saquei a ideia, ou para que serve ela, porque não sei bem. Pensei no "passado", ao que parece. Podia ter dado um post, a ideia, mas provavelmente ficaria apenas pela margem do caderno onde foi apontada.
Parece-me agora que esta caixa de comentários, abusando eu da tua boa vontade, é o local ideal para a colocar. Não vou explicar o contexto em que surgiu ou porquê de ser assim. Também confesso que já não me lembrava da frase completa, mas fui ver, e parece que escrevi o seguinte:

O passado, por si só, não tem interesse ou utilidade. Isso apenas acontece quando se torna importante para o presente ou para o futuro.

Perdoa a ousadia de "postar" isto aqui.
Beijo amigo.

Shootingstar disse...

Como te compreendo!!!! Se foi mau, atira para trás das costas!!! Se foi bom... joga-te à memória co unhas e dentes...!!! Bjinhoooo

Francis disse...

o passado empurra-te para a frente.

Blue Eyes disse...

Será inevitável isso. Mas não nos pode parar. Precisamente porque é passado. E os nossos olhos estão no futuro!

Um beijinho e uma boa noite, Cati!

Cati disse...

Teresa: Obrigada!!! Pelas visitas, pelo comentário... espero que continues por aqui!

Casemiro: Sábias palavras do senhor Plástico! Beijinho!

Carlos: Nem sempre quero esquecer o passado... ajuda-me a melhor vislumbrar o futuro ;)
Kiss presente pra ti também!

Cati disse...

Didas: Xiiii! Os encontros imediatos com essas fotos são verdadeiramente de 1º grau!

Júlio: Obrigada eu, por ajudares a compor os meus gatafunhos. Gosto de estar em sintonia contigo. And... it's my pleasure. Kiss

Shooting: Mesmo longe continuamos a ser almas gémeas hein!? Kiss graaaaande!

Cati disse...

Francis: É isso mesmo meu caro.

Blue Eyes: E para melhor vivê-lo - o futuro - há que aprender com o passado... não achas?
Beijoca!

Café com natas disse...

O passado e o futuro moldam o nosso presente. Se aprendermos com o passado viveremos um futuro muito mais presente.
E a vida acontece aqui, no agora...
Beijinhos de ontem e de hoje.
Amanhã haverá mais!

Formiguinha disse...

Iap!!!!

O passado é mesmo algo com que temos que saber viver!

Bêjos