quinta-feira, fevereiro 07, 2008

Profissão de Futuro (?!?!?!?)

O mundo está definitivamente louco.
Por todas as razões e mais algumas, a começar pelo nascimento e ascensão de Bush, passando pelo advento Bin Laden e terminando nas obscenidades de Chavez. Este país à beira mar plantado não escapa, de todo, à onda de loucura negativa que assola o planeta - basta prestar um pouco de atenção às políticas de Sócrates e "sus muchahos", à corrupção nos meandros empresariais, ao tuga que tudo faz para lixar o próximo sem ser lixado e ainda dizer que é esperto.

E neste mundo louco, neste país à beira de um ataque de nervos perante o encerramento de mais um serviço de urgência, de mais um bebé parido em plena autoestrada, de mais um escândalo de pedofilia, de mais um mega embuste nos bastidores da banca, eis que me deparo com algo que me deixou deveras... vá lá, surpreendida!

(Clicar na imagem para ver o site do curso!
Isto não é a brincar... soube-o no blog da Professorinha)


Ora bem. Num país onde há excesso de licenciados e falta de quadros técnicos - electricistas, carpinteiros, topógrafos e afins - eis que surge o curso que fazia falta, a profissão do futuro: JOGADOR DE FUTEBOL!
Sim senhora, uma profissão que faz muita falta aqui no cantinho. Temos um cano furado?!? Chama o jogador de futebol!!! Ora bolas, o quadro eléctrico estoirou?!? Aí vem o jogador de futebol em nosso auxílio!!!
Não digo que não seja necessário dar formação aos jogadores de futebol... eles precisam, e muito! Apenas me custa pensar que o dinheiro dos meus impostos, dos impostos de todos os que deles não podem fugir, seja utilizado em cursos de formação profissional na área do futebol.
Para ser perfeito, só falta criar os cursos de FADISTA PROFISSIONAL com equivalência ao 9º ano e PADRE com especialização em ASSUNTOS DE NOSSA SENHORA - e assim temos a tão portuguesa triologia que, aparentemente ainda nos rege

FÁTIMA, FUTEBOL e FADO

Triste fado o nosso!
Não pude deixar de reparar que o curso está a decorrer na Guarda. Já percebi! Mais uma tentativa de trazer os jovens ao interior do país? Talvez... e embora ache essencial que os jogadores de futebol precisem efectivamente de formação académica e profissional, não deixo de pensar que:

1) para se ser bom jogador de futebol é preciso ter talento! Vejam lá se o Cristiano Ronaldo precisou de ser crânio na escola para ser um dos melhores do mundo... (mas precisa urgentemente de aulinhas de dicção e organização do discurso!)

2) num país com tantas carências ao nível da qualificação profissional não seria melhor encaminhar os jovens para opções de trabalho verdadeiramente viáveis e com utilidade para o país?

Isto faz-me lembrar quando estive desempregada.
"Convidaram-me" a ir fazer um curso de formação sob pena de perder o direito ao subsídio de desemprego. Até aqui, tudo bem. E para quem pensa que me sugeriram cursos com utilidade e dentro da minha área de estudos - por exemplo, de Serviços Administrativos - desenganem-se. Os cursos que podia escolher eram GESTÃO DE MICRO EMPRESAS ou TRATAMENTO DE ÁGUAS RESIDUAIS. Sim, leram bem. E para quem não sabe, eu sou professora de Português e Inglês. Dava um bom slogan... "Se és professor desempregado, não fiques desesperado! Qualquer um pode ser empresário ou "tratador" de águas residuais!"

Quem devia tirar um curso de gestão eram as chefias dos Centros de Emprego, dos Centros de Formação Profissional... O que é preciso fazer para trabalhar no Centro de (DES)Emprego?!? Uma boa cunha? Assim parece...
Os Centros de Emprego não satisfazem as necessidades dos empregadores deste país. Quantas empresas conhecem que tenham recrutado pessoal através do Centro de Emprego? Quantas pessoas conhecem que tenham arranjado trabalho através do Centro de Emprego?
Pessoalmente, não conheço ninguém...

Algo está mal, terrivelmente mal.
E enquanto nada mudar, vamos continuar a criar os nossos filhos com Morangos, net, 'tá-se bem, sapatilhas da moda, telemóveis e promessas de vidas fantásticas de jogadores de futebol, actores de novelas e manequins anorécticas de capa de revista.

12 comentários:

AJO disse...

Pois... nem quero acreditar... nem quero... bem o melhor é voltar a ler até porque como estou desempregada nunca é tarde para pensar em alternativas... melhor é voltar a ler.
BJS

htsousa disse...

Conheço quem recruta nos Centros de Emprego, com a certeza de poder explorar quem lhe aparece... e os Centros agradecem.
Temos o enquadramento certo, falta a fiscalização.

Tens desafio no canto.

Gazela disse...

Ai cum camano...

Acho que vou concorrer a esse curso de jogador de futebol!! Enfim...

Ai país país...

Daniela disse...

Sem palavras! Desisto de tentar perceber. recuso-me! Não quero! Vou fazer as malas e emigrar!

Rafeiro Perfumado disse...

Eu admiro-me é o que ainda estás aqui a fazer. Vá, toca a ir para a rua dar uns toques na bola!

TugaFixe disse...

Mas a malta é feliz assim. O que é que queres?

Beijinho e bom fim de semana.

Joseph disse...

Cati,
Olá

Bem-vinda ao meu cantinho.

Sobre o teu blog, já estou a acostumar-me a dizer que está tudo dito, tal a clareza com que pões e expões as questões... rimou mas não era para rimar. Saiu.

Ah é da Guarda. Sabes que a Guarda é conhecida pela terra dos 3 Éfes?
FARTA, FRIA e FEIA !...

Gostei muito do teu post e totalmente de acordo. Sinceramente falando.

(A sério que gosto da música romena (cigana) e não só...

Beijoka...
(tem uma boa noite...)

A Lei da Rolha disse...

Infelismente, tudo o que tu dizes é a pura verdade desta merda de país!!!!!!!!!!!!!!!
bjs

Didas disse...

Eu só não o tiro porque aquele modelo de calções não me cai nada bem, senão...

Artur.S disse...

Olha que há coisas piores que cursos de jogadores de futebol :( muito piores e mais nocivas... infelizmente! pessoalmente prefiro ver miúdos a da pontapés numa bola que andar na prostituição, no roubo, na droga, na...

Lazy Cat disse...

Então não faz muita falta?
Claro que faz! Como tu dizes, para reparar torneiras, carros, sei lá. Mais vale isso que aprender a ler e escrever de maneira decente!!!


Beijo de boa semana.

Mónica disse...

Algo vai mal...no Reino de Portugal...
Bem, Centros de Emprego?
Acho que deveriam mudar o nome para Centros de Desemprego.
Tive uma muito má experiência num há muitos anos... pelos vistos continuam igual!


Beijo