terça-feira, janeiro 08, 2008

After all there was another...

Hoje, em conversa de café (sim, daquelas em que se fala de tudo, desde a situação política à cor das cuequinhas da Paris Hilton), e falando do sotaque inglês das nossas mais altas individualidades...
o inglês "técnico" de Sócrates
o inglês mal amanhado de Mourinho
o inglês assassinado de Catarina Furtado
e afins...
...e enquanto ouvíamos ISTO (eu, pessoalmente já não posso ouvir - ai córror, desinfectem-me os ouvidos que já enjoa - sorry Sophie...), um dos convivas resolveu começar a traduzir a canção...

Oh tu aí Dalila
Sê boazinha e vê lá não tenhas saudades minhas
Mais dois anos e acabas a escola
E eu vou estar a fazer história como faço...
Tu sabes que é tudo por causa de ti
Podemos fazer tudo o que queremos
Oh tu aí Dalila aí vai para ti
Esta é para ti

Oh é aquilo que tu me fazes
Oh é aquilo que tu me fazes
Oh é aquilo que tu me fazes
Oh é aquilo que tu me fazes

Ridículo? Um bocado...
Não é difícil chegar à conclusão que canções de estrondoso sucesso traduzidas, ainda que com mais aprumo, para a nossa língua, não soam assim tão bem...
Vejamos o grande sucesso de Rhianna neste Verão, "Umbrella" - o nome diz tudo, não?

Quando o sol brilhar
Brilharemos juntos

Disse-te que estaria aqui para sempre

Disse-te que seria sempre tua amiga

Fiz um juramento
E vou cumpri-lo até ao fim
Agora chove mais que nunca

E sei que continuamos a estar juntos

Podes ficar debaixo do meu guarda chuva
Podes ficar debaixo do meu guarda chuva

Elá, elá, é, é, é

Debaixo do meu guarda chuva

Elá, elá, é, é, é
Debaixo do meu guarda chuva
Elá, elá, é, é, é
Debaixo do meu guarda chuva

E pronto... a mensagem até é gira e tal... mas em português soa a pimba!

É óbvio que há que ter maior cuidado na tradução - e eu, como "quase" especialista nessa área, sei disso!!! A tradução é muito mais do que passar palavras isoladas de uma língua para a outra - há que ter em conta aspectos culturais, de estilo... No entanto eu refiro-me mesmo às traduções literais - e são essas que metem mais graça, não?!

Poderia estar aqui toda a noite a provar a minha teoria... canções, tantas!
Ficam apenas alguns títulos sugestivos:

"The eye of the tiger" - O olho do tigre
"Big Bottomed Girls", Queen - Miúdas de rabo grande
"Shine on You Crazy Diamond", Pink Floyd - Brilha em ti Diamante Louco
"Home", Michael Bublé - Lar
"Ring My Bell" - Toca-me à Campainha
"I'm so excited", Pointer Sisters - Estou tão excitada

Estou tão excitada
Não o consigo esconder

Estou prestes a perder o controlo

E acho que estou a gostar

BABE!!!

Claro que não fomos os primeiros a pensar nisto... E os Gato Fedorento, sempre à frente, não só pensam como nós como vão ainda mais longe - uma música pimba portuguesa, traduzida para Inglês e com um arranjo jeitoso, dava com certeza um grande hit internacional!!!
Deliciem-se com o vídeo de David Fonseca interpretando esse clássico da música portuguesa de Mónica Sintra, "Afinal Havia Outra" - "After all there was another"...

E aldrabar músicas em Inglês?!?
Quem nunca aldrabou uma canção em Inglês, que atire a primeira pedra!!! Pois é... vou falar-vos também desse drama que por vezes nos assola: não saber a letra de uma canção que gostamos muito, mas como gostamos mesmo muito dela, aldrabamos a letra como se não houvesse amanhã...

Exemplos:
Men at Work, Down Under - Letra: "Travelling in a fried-out Kombi(...)"
Aldrabice: "Cavalinho na selva a correr..."

Cheap Trick, Didn't I See You Crying - Letra: Didn't I, didn't I, didn't I see you crying(...)
Aldrabice: "Dina, dina, dina si nanana..."

McHammer, Can't touch this
Aldrabice: "Queres tostas? tã nã nã nã... Queres tostas? tã nã nã nã..."


The Night Train - Letra: "All aboard the night train!"
Aldrabice: "A minha avó de fato de treino!"


Se se lembrarem de mais alguns exemplos, façam o favor de deixar na caixinha dos comentários!
Tenho a certeza que a lista, tanto de músicas com traduções duvidosas, como de músicas que aldrabamos a cantar, é bem maior!
Conto convosco!!! Já sabem que publico as vossas sugestões!!!


Beijocas loucas e musicais!!!
PS - Eu ADORO música... e algumas das canções que referi neste post fazem parte das minhas preferências de todos os tempos... não pretendo ferir quaisquer susceptibilidades!

21 comentários:

Mónica disse...

eh eh eh...
Falta-te aqui uma. a tal, aquela mui famosa do Lionel Richie: Saiu sem mim...Saiu together.. (Say you Say me)
Mas... tu não te esqueças das metáforas. As músicas não devem ser traduzidas à letra.

Beijinho
P.S. E, caso para dizer... after all there was another...lol

Carlos Lopes disse...

Uma barrigada de riso para começar o dia... Nada melhor. Kiss cantado.

Tiago R Cardoso disse...

excelente, tens razão, muitos que ouvem musicas em inglês se as ouvissem em português diziam logo que é pimba... excelente momento e gostei da versão do David Fonseca que pusestes a tocar como fundo...

AJO disse...

Tenho que vir cá sempre de manhã proque começo o dia sempre a rir-me. Está demais... beijocas

Belzebu disse...

Nada como o velho êxito dos Beatles... "Baby come back", ou seja, "Filha salta-me para as costas". Ou ainda o célebre tema dos Sex Pistols... "God shave the Queen". Assim de repente não me ocorre mais nada, o que é normal pois ainda estamos no início do ano e o carburador está ainda a 50%.

eheheh!! Aquele abraço infernal!

quintarantino disse...

Perdão, isto está tudo muito bem mas há aí um erro... é impossível discutir as cuecas da Paris Hilton. Ao que me é dado saber, anda sempre sem elas!

Catarina, disse...

LolOl AIAIAI o que eu me ri quando deu isso no gato fedorento , o david fonseca a cantar isso , opa sem duvida o melhor LOLOL tiveste bem agora. ahahaha


=)
Um beijihno*
cat *

Copo_Meio_Cheio disse...

lollloll Cati, és lixada...
Grande post para começar.
Depois disto já sei que instintivamente vou traduzir para tuga todas as musicas que estiver noutra lingua e o inverso tb se vai dar.
Obrigadinho pelo incentivo à loucura.
Por exemplo, agora estou a ouvir " The Blower's daughter - Damien Rice.
Como traduzo isto, tendo presente o que em calão quer dizer, " Blow "...
hehehehehe

Beijoka

Vício disse...

passei aqui para dizer que por causa do post ser tão longo, não o li e fiquei lá em cima nas cuecas da Paris Hilton!

Francis disse...

a partir do momento em que começou a tocar o david, recuso-me a continuar...até amanha.

Tia Cremilde disse...

ahahaha... pronto... já percebi o stress e tb já alterei a banda sonora do blog da tia.

Acerca das letras, sua tia, em tempo idos, já mandou uma posta a respeito:

Madonna – "Like a Virgin"
Letra original:
Like a virgin touched for the very first time.

Mas há deles que cantam assim:
Like a virgin touched for the thirty-first time.

Pearl Jam - "Black"
Letra original:
I take a walk outside, I'm surrounded by some kids at play

Com "adaptação":
I take a walk outside, I'm surrounded by monkeys and bears

Non-stop - "Ao limite eu vou"
Letra original do refrão:
Ao limite eu vou
Ao limite eu vou

Com uns copos a mais:
All you need eu vou
All you need eu vou

Beck - Looser:
Letra original do refrão:
Soy un perdedor, I'm a loser baby...

Se é para cantar em inglês, sai isto:
So don't open the door, I'm a loser baby...

Tia Cremilde disse...

e depois há o mestre no que à invenção de letras diz respeito:
http://www.youtube.com/watch?v=-FCkVwhot5E

o meu amigo bubacar!

The Wolf disse...

na na na na, na na na
na, na na

Rui Caetano disse...

Bonito, interessante, gostei mesmo.

Gazela disse...

Eu sei uma eu sei uma... =D

Destiny'c Child (Oh lá comé qué!!)

Letra: Say my name, say my name!!

Trafulhice: Zé Manel, Zé Manel!!

Tugafixe disse...

O teu post está demais!
Que grande cacetada na pimbalhada anglo-saxónica.
Quanto ás aldrabices, a melhor que eu ouvi até hoje não é de uma música em inglês. Lembras-te dos O-zone?
"Vrei sa pleci dar nu ma, nu ma iei,
Nu ma, nu ma iei, nu ma, nu ma, nu ma iei."
Na altura estava de férias em Monte Gordo e um primo meu saiu-se com esta:
"Visto-me depressa, e visto-me á gay, e visto-me á gay, e visto-me á gay á gay!
Barrigada geral de riso!

Keep going.

Beijinho

Daniela disse...

e... pronto... a Cati tem mesmo um dom... o de desencantar estas raridades... Fartei-me de rir!

Beijos grandes para ti!

redjan disse...

cati: este teu canto mantém a coisa ao mais alto nível.... dá para rir umas vezes, para nó na garganta outras. Não tenho comentado, ando com timings de malucos, mas passo sempre a beber desta fonte...

kssssssssss

KI disse...

Numa tradução conseguida entre um almoço e gente doida a importunar-me o lazer aqui vai lol:

Nem dia de ano novo
Para celebrar
Nem chocolate coberto por velas com corações para deitar fora
Nem primeiro dia de primavera
Nem canção para cantar
De facto é outro dia normal
Nem chuva de Abril
Nem flores a desabrochar
Nenhum casamento de um sábado do mês de Junho
Mas o que é
É algo verdadeiro
Feito destas três palavras que eu te devo dizer

Só falei para dizer que te amo
Só falei para dizer que te quero bem
Só falei para dizer que te amo
E eu sinto-o do fundo do meu coração


Nenhum pino do Verão
Nem um Julho quente
Nenhuma lua minguante numa noite terna de Agosto
Nem brisa de Outono
Nem folhas caídas
Nem tempo dos pássaros voarem a sul
Nenhum sol (?...)
Nem dia das bruxas
Nem agradecimentos a toda a alegria natalícia que me trazes
Mas o que é
Apesar de velho é tão novo
É encher o teu peito com três palavras como nunca fiz

Só falei para dizer que te amo
Só falei para dizer que te quero bem
Só falei para dizer que te amo
E eu sinto-o do fundo do meu coração

I just call to say I love you . Stevie Wonder

Isto é windu!!!! Windissímo!!

P.S. - Adoro o David Fonseca por mim ele até pode cantar Ágata:

You can take the jewerly, the car and the house but you can't take him...
You can take me all but you can't take him...

Isto do take him emociona-me juro! Leva-me às lágrimas! Ai.... buáááá!! "....take him..."

SILÊNCIO CULPADO disse...

Cati
Adorei todos estes exemplos que aqui apresentaste. As traduções assassinam as mensagens se não forem feitas com mestria por alguém que não só conheça o idioma como as culturas, as sensiblidades e a forma de escrita.
Mas, mesmo assim, não há tradução que corresponda exactamente à mensagem do autor.
Beijinhos

Joseph disse...

Cati
Oi

Mais um post.
Mais uma pérola....
...mas há músicas pimba, como lhe chamam, que são muito boas, isto dito pelo maestro Vitorino de Almeida.

Mas a maioria é como tu postaste e disseste...

É o que temos.

Beijocas**