quarta-feira, outubro 24, 2007

Pensamento do Dia

«Depois vêm cansaços e o corpo fraqueja,
olha-se para dentro e já pouco sobeja
pede-se o descanso, por curto que seja

apagam-se dúvidas num mar de cerveja
e vem-nos à memória uma frase batida

hoje é o primeiro dia do resto da tua vida...»


Há dias assim...
Este excerto foi retirado da fabulosa canção de Sérgio Godinho, «O Primeiro Dia». É perfeita. (tirando a parte da cerveja - para mim panaché, se faz favor!)

Hoje li algures que a vida é como um grande circo, em que todos, mais tarde ou mais cedo, andamos na corda bamba. E é isso mesmo. Uns dias caminhamos seguros, sem medo, noutros avançamos titubeantes, com pouca confiança... E, quando menos esperamos, eis que surge um nó na corda, aquele nó aparentemente insignificante que nos faz tropeçar, quase cair... Valham-nos os que nos querem bem para nos amparar!!!

Às vezes não é preciso nada, outras basta uma coisinha do tamanho de um bago de arroz, para nos fazer pensar na nossa corda bamba, no nosso circo e na personagem que nele temos. O que quero ser? Palhaço? Trapezista? Malabarista? Domador?
De todas um pouco... pois para sobreviver temos de domar a dor, manejar as lágrimas como bolas coloridas e avançar, sem medo do futuro, com um largo sorriso de palhaço!

Mas agora queria ser só ilusionista...

Beijinhos para todos!

10 comentários:

Professorinha disse...

Ah pois hoje é o primeiro dia do resto da minha vida... Só tenho medo do que aí vem... Mas viver com medo é viver a meias...

Beijinhos

Sofia disse...

"Viver com medo é viver a meias", certo! Mas por outro lado "quem tem cu, tem medo" - é bom ter cu, significa que ainda se tem algo a perder...

Só queria ser mágica por uns momentos, para arranjar uns sorrisos dessa cara linda!

Um beijo muito grande!

Vladimir disse...

há que viver a vida sem medo...bela postagem...

Tia Cremilde disse...

aprendi a muito custo que um pensamento positivo faz magia! Vale a pena experimentar... mesmo que custe sorrir, tenta!

redjan disse...

O que quero ser? Palhaço? Trapezista? Malabarista? Domador?


Mas agora queria ser só ilusionista...

Muiiiiiiiiiito bom cati !

Geraldo disse...

Olá Cati,
O teu blog é demais!....
Dá para se desopilar um pouco das agruras da vida.
Valeu...
Um beijo
Geraldo

Blossom disse...

Eu gostava de ter uma varinha de condão, com poderes para mudar a minha vida de forma radical, porque já tenho mais do que idade para assentar e começar a construir o meu futuro...a corda bamba não me sai debaixo dos pés e o tempo continua a passar...

Beijinhos Cati e força para ti e para mim (que tanto preciso)

neto disse...

Agradeço a solidariedade que me demonstrou. Habitualmente tenho sempre atitude muito posivitiva , apesar de ontem ter ido um poouco abaixo. Mas estou como novo e gostava de a ver mais animada.Força

AJO disse...

Este pensamento do dia parece que foi escrito a pensar no que sinto... mas tou como você... agora precisa mesmo de ser ilusionista... como precisava, como queria... Força ai e Beijinhos

Cati disse...

Professorinha: o primeiro dia do resto das nossas vidas... é assim que funciona! Beijinhos, força!!!

Sofia: passar um dia sem te ver é uma coisa muito má. Preciso de mimos, deixa-te lá de magias!!! LOL

Vladimir: Obrigada... a vida vive-se com medo... temos é de saber domá-lo!
Volte sempre!

Tia: o meus sorriso de palhaço já está posto! Obrigada pelos miminhos de tia linda!

Redjan: és demasiado simpático Red... já sei, o nosso Benfica ganhou e estás todo contente!!! LOL
Obrigada pelas tuas palavras sempre amáveis. Beijinho

Geraldo: obrigada! Tem dias bons, dias maus... é como a autora!!! Beijinhos, volta sempre!

Blossom: FORÇA!!! Provavelmente precisas mais dela do que eu... é difícil começar a NOSSA vida. Não desistas... vale a pena!!!

Neto: toda a gente fraqueja de vez em quando. O segredo é sabermos reagir e avançar! Um beijinho!

Ajo: todos nós nos sentimos assim, de vez em quando... Um beijinho de ilusionista e volte sempre!