quinta-feira, outubro 18, 2007

Buracos na estrada do céu

(imagem Google)

Caminhamos juntos
Mão na mão, sorriso nos lábios
A caminho do céu, do nosso céu, do céu que construímos juntos,
ao longo de tantos, tantos anos...

Pela estrada do céu conhecemos os nossos parceiros de viagem
Aqueles que nos fazem rir,
Aqueles que nos confortam,
Aqueles que nos aquecem o coração...

Mas que infortúnio este!
A estrada do céu tem buracos...
Quando não tropeço neles,
Lá cai um dos companheiros, para nunca mais voltar...

E no fim,
Quando estivermos bem perto dele,
Do céu que almejámos,
Olharemos para baixo e veremos aqueles que se deixaram cair
bem lá no fundo...
E nós,
Mão na mão, sorriso nos lábios
Abraçaremos aqueles que ainda estão connosco
E continuaremos a jornada interminável...

Porque o céu não se alcança nunca,
o céu somos nós que o fazemos,
mesmo que, por vezes, tenhamos que descer aos infernos
e tropeçar nos buracos da vida!

"Leva os meus braços,
Esconde-te em mim,
Que a dor do silêncio, contigo eu venço, num beijo assim..."

Eles podem cair... mas nunca ficaremos sós - porque estamos juntos!!!

14 comentários:

Sofia disse...

porra! e ainda dizes que não gostas da pressão do tempo... Tu podes não gostar dela, mas ela ama-te e sai linda para te namorar!!!

redjan disse...

life, abrunhosa & friends...
top 3 post cati ... top 3 in your little crazy place !!

Gazela disse...

"Toma os meus braços!!" Que nenhuma de nós caia num desses buracos... se cairmos... estaremos sempre juntas!!!

Só me fazes maldades!! Tou aqui com a lagrimita a querer sair!!! SACANA!!

Beijo gigante!!

Patrícia Grilo disse...

Que lindo!!!

Foste tu que escreveste?

Beijocas para a minha SIS!!! Chuac!!!

darkman disse...

very nice :-)

pedro

conchita disse...

Lindíssimo, gostei muito!!
Continuação de uma boa semana :)

Petrusednem disse...

"Mão na mão, sorriso nos lábios"
"o céu somos nós que o fazemos...",

Bonito...

catmarise disse...

sós nunca ficarão...

catmarise disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rafeiro Perfumado disse...

Jove, é assim, eu sou um bocado doido e por vezes meto as patas pelo focinho. Lendo o texto parece-me que aconteceu algo de errado... espero que seja só sensação minha, pelo sim pelo não desta vez não avacalho o comentário.

Professorinha disse...

Poema lindo que transmite a sensação de perteça e cumplicidade... e, melhor de tudo, de confiança...

Lindo...

Beijos

Cati disse...

Professorinha: obrigada. Essas palavras têm muito valor para mim, acredite.

Rafeiro: está à vontade para avacalhar!!! Nada de errado aconteceu. Foi apenas o momento de enterrar um assunto e fazer as pazes com a escrita.

Catmarise: eu sei... Beijos!

Petru: obrigada, eu também acho essas conjugações de palavras particularmente bonitas.

Conchita e Darkman: OBRIGADA pelos elogios...

Mana: fui... já há muito tempo não embarcava nestas coisas e confesso que estava com medo de escrever. Desde a faculdade que não o fazia. Ainda bem que gostaste - you are my number 1!!!

Gazela: nunca caíremos porque eu sei que, haja o que houver, estarás sempre aí para me amparar. E tu sabes quem eu sou... e que podes contar comigo.

Redjan: hás-de dizer-me quais são os outros dois do top... obrigada pelo desafio. "Obrigaste-me" a remexer no meu gosto perdido pela escrita. Já me tinha esquecido do quanto gostava de o fazer.

Sofia: só trabalho bem sob pressão, mas nestas coisas... eu estava borrada de medo de escrever... LOL
Obrigada pelo incentivo, desculpa as inseguranças. Beijo

redjan disse...

Os outros dois ? um dia te digo ... ainda tenho muito por ler aqui ... ;-)

Shootingstar disse...

Bem, por mais que leia, não consigo encontrar palavras para descrever uma coisa tão linda... foste tu, certo??? ADOREI, ADOREI, ADOREI... o amor é assim (acho eu) e apesar de não estar nessa onda, adorei. Vê-se que são palavras sentidas de alguém muito querido, doce e especial! O Zé é um sortudo!!! Bjinhos gandis de quem nunca te esquece, te adora e está longe ;-)